QUEM SOMOS


animação: Adriana Pinto e Eloar Guazzelli

A Editora  Peirópolis completou 24 anos. Dirigida por Renata Farhat Borges, jornalista, mestre em Comunicação e Semiótica pela PUC-SP e doutora em Ciências da Comunicação pela ECA/USP, e André Carvalho, doutor em Administração EASP-FGV, a Peirópolis já publicou quase 500 títulos. Seu catálogo expressa a alegria do encontro entre o leitor e o livro, capaz de transformar e sensibilizar o espírito humano e ainda servir de memória das ciências e da imaginação.

A Peirópolis atua no sentido de valorizar a riqueza e a diversidade humana, natural e cultural do nosso país, o que se expressa em linhas editoriais voltadas para a difusão de novos olhares nas áreas da educação, do empreendedorismo e do meio ambiente, como também para a publicação de literatura infantil e juvenil de alta qualidade.

Como empresa, integra a rede de instituições que nasceram em um momento de redemocratização do país, quando surgiu espaço para a elaboração de questões não só no plano da macropolítica, mas também das micropolíticas de transformação do planeta. Assim, a editora se propõe a oferecer formas renovadas de trabalhar temas como ética, cidadania, pluralidade cultural, desenvolvimento social, ecologia e meio ambiente, sempre numa visão transdisciplinar e integrada.  Além disso, a Peirópolis tem participado ativamente do crescente movimento de profissionalização do terceiro setor e colaborado com entidades não-governamentais e organizações da sociedade civil na elaboração de material de referência sobre investimento social privado, responsabilidade social empresarial, filantropia corporativa, ética nos negócios e valores humanos nas organizações.

Com reconhecida qualidade editorial, tem desenvolvido linhas editoriais afinadas com sua missão de reconhecimento da diversidade cultural e dos valores comuns a todas as culturas e tradições, com destaque para coleções dedicadas à literatura infanto-juvenil, à cultura indígena, à mitologia africana e ao folclore brasileiro. Preocupa-se também em contribuir para formar leitores e diminuir as distâncias entre a alta literatura e os jovens, criando para isso coleções como a de Clássicos em HQ.

Seu catálogo, que em 2011 começou a transbordar para outros suportes, aproveitando os múltiplos talentos dos autores e suas linguagens, contempla literatura infantojuvenil e adulta, educação, comunicação e mídias, desenvolvimento socioambiental e terceiro setor, sempre numa abordagem inovadora e criativa. Com a intenção de aproximar crianças das questões ambientais, mantém uma série de livros que integram a temática da natureza, em livros de poesia, prosa e informativos para crianças, jovens e educadores.

A linha infantojuvenil ganha destaque a cada ano, com títulos de valor reconhecido pela Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil e pelo Programa Nacional Biblioteca na Escola, entre outros. Ela expressa o pioneirismo da editora em algumas áreas, como a de resgate e formação de uma literatura indígena (Terra dos mil povos, de Kaka Verá Jecupé – 1998, e coleção Memórias Ancestrais – Irakisu, em 2000, e Verá, em 2003), a difusão de grandes clássicos da literatura universal e brasileira na linguagem da HQ (Clássicos em quadrinhos, 2005), a primeira coleção infantojuvenil verde e livre de carbono (coleção Bicho-Poema, Boniteza Silvestre e Rimas da Floresta – 2007, Belezura marinha – 2010), os livros de imagem, e agora a inovadora coleção Peirópolis Mundo, livros bilíngues em português e idiomas ameaçados de extinção. Seus livros dialogam com conteúdos em áudio no site da editora, integrado com as redes sociais de leitores.

A Editora Peirópolis atualmente (julho de 2016) é ganhadora de um Prêmio Jabuti, concurso nacional no qual foi finalista nove vezes. Recebeu três vezes o Prêmio White Ravens e 15 vezes o Prêmio da Fundação Nacional da Literatura Infantil e Juvenil (FNLIJ). Além disso, teve 56 selos de “Altamente Recomendáveis” (FNLIJ), 61 títulos escolhidos para compor o Catálogo de Bologna (FNLIJ-IBBY), 31 obras indicadas ao Acervo Básico da FNLIJ, e 93 selecionados para integrar acervos de bibliotecas públicas e escolas de todo o Brasil. Além disso, teve seis títulos finalistas do Troféu HQ Mix, e inúmeras outras indicações, como o Prêmio Glória Pondé da Biblioteca Nacional, e Distinção Cátedra 10 da Unesco e do Instituto Interdisciplinar de Leitura PUC-Rio (2016).

 

 

 

Home · Contato · Envio de originais · Onde comprar · Links · Mapa do site

© Editora Peirópolis. Todos os direitos reservados.   Orgulhosamente criado com Wordpress!