Prefácio

A Divina Comédia em HQ: pelos caminhos de Dante

Há que se ter coragem para encarar o desafio: transpor para a linguagem da HQ, em formato sintético mas sem perder a densidade, a obra-prima da língua italiana. Desafio que o quadrinista Piero Bagnariol abraçou com dedicação, resultando no álbum A Divina Comédia em quadrinhos.

Mais +
"O Corvo em quadrinhos", Edgar Allan Poe por Luciano Irrthum

O célebre poema O Corvo (The Raven), do escritor norte-americano Edgar Allan Poe, ganha versão em HQ, integrando a coleção Clássicos em quadrinhos da Peirópolis. Nesta versão, O Corvo renasce da prancheta do quadrinista Luciano Irrthum, que expressa sua reverência pela obra imprimindo-lhe o lirismo, a força e a visceralidade de seu traço. A tradução escolhida foi a de Machado de Assis, pouco conhecida entre as muitas traduções do poema de Allan Poe.

Mais +
"Dimensões Escondidas": prefácio de Alan Wallace

Reconhecido em todo o mundo como autor de uma obra que aproxima ciência e espiritualidade, Ocidente e Oriente, o físico, filósofo e doutor em Estudos Religiosos Alan Wallace estará no Brasil em junho de 2009 para uma série de palestras promovidas pelo Instituto Caminho do Meio e também para o lançamento do livro Dimensões Escondidas – A unificação de física e consciência. Aqui está disponível o prefácio de Wallace para o livro, em que busca oferecer ao leitor elementos para compreender o momento muito especial vivido pelas chamadas “ciências da mente”.

Mais +
"Demônios", conto fantástico de Aluísio Azevedo, em quadrinhos de Guazzelli

Há mais de cem anos demônios invadiram a noite do célebre escritor naturalista Aluísio Azevedo, levando-o a escrever um conto fantástico. Em 2010 foi a vez do quadrinista Eloar Guazzelli. O irrequieto artista, já dado a enfrentar madrugadas armado de papéis e pincéis, encontrou no conto de Aluísio um bom motivo para fazer jorrar sua força expressiva. O resultado é Demônios em quadrinhos, quarto álbum da coleção dedicada a oferecer leituras dos clássicos em linguagem de HQ.

Mais +
"Agrobiodiversidade e direitos dos agricultores", de Juliana Santilli

Da descoberta da agricultura, há dez mil anos, ao seu exercício hoje. Do tempo em que a terra ainda era um bem comum aos seus dias como propriedade privada. Da agricultura familiar à produção agrícola patronal e ao agronegócio. Esses são alguns dos percursos traçados por Juliana Santilli para compor o amplo panorama histórico no qual se insere um conceito em construção, o da agrobiodiversidade, e para tratá-lo relacionado aos direitos dos agricultores.

Mais +

Olá! Preencha os campos abaixo para iniciar a conversa no WhatsApp

PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com