De roda em roda – Áudios do livro

1 – Pezinho na barca (Carbonita, MG)
Vozes: Helena Radanovic Gomes, 8 anos, com a participação de sua irmã, Lucia Radanovic Gomes, 7 anos. Elas também produziram diversos efeitos sonoros usando pios de pássaros, apito de vento, girasom e ocean drum. Gabriel Levy tocou acordeom e Fábio Barros tocou viola brasileira.

2 – Flor de maracujá (Parintins, AM)
Lucia Radanovic Gomes, 7 anos, cantou e tocou flauta doce soprano e pios de pássaros. Fábio Barros tocou rabeca e viola brasileira.

3 – Viuvinha (Araguari, MG)
Vozes: Alice Cherto, Clarice Boffa, Isabela Garcia, Lavínia de Mello Gonsalves, Luca Traldi e Nathan Grillo. Caixa do divino: Alice Cherto. Sapos-recos: Enzo Bonaventure e Lavínia de Mello Gonsalves. Alfaia: Luca Traldi (crianças com idades entre 5 e 8 anos). Fábio Barros tocou latinha alemã, glockenspiel, xequerê, rabeca, ukulele e violão de sete cordas.

4 – Senhora Dona Xoxa (Bezerros, PE)
Helena Radanovic Gomes (8 anos) cantou e tocou flauta doce soprano. Lucia Radanovic Gomes (7 anos) cantou e tocou um chocalho preparado especialmente para acompanhar a cantiga. Fábio Barros tocou violão.

5 – Lavadeira (São Paulo, SP)
Vozes e efeitos sonoros com água: André Lima, Iara Oliveira, Julia Krausz, Julieta Rougé e Mariana Halpern. Casaca: André Lima. Tambor e rói-rói: Iara Oliveira. Esterilla e rói-rói: Julieta Rougé. Rói-rói: Mariana Halpern (crianças com idades entre 5 e 7 anos). Fábio Barros tocou violão, viola brasileira, rabeca e pífano.

6 – Quanta laranja madura (Rio Branco, AC)
Vozes: Jorge Brandão, Julia Gonzalez, Lara Minami, Pedro Siqueira e Sofia Farias. Wood block: Bianca Barreto. Sino: Caetano Cojorian. Triângulo: Eduardo Roth. Kabuletê: Gabriel Paiva. Reco-reco: Jorge Brandão e Patrick Zular. Cuchara: Julia Gonzalez. Afoxé: Lara Minami. Kokiriko: Pedro Siqueira. Zarb: Pedro Gonçalves. Maracas: Sofia Farias (crianças com idades entre 4 e 5 anos). Gabriel Levy tocou acordeom e Fábio Barros tocou ukulele e zabumba.

7 – Alface já nasceu (Cariacica, ES)
Vozes: Alice Cherto, Clarice Boffa, Enzo Bonaventure, Isabela Garcia, Lavínia de Mello Gonsalves, Luca Traldi, Nathan Grillo e Valentina Jorente. Tambores: Alice Cherto e Luca Traldi. Flauta de êmbolo: Clarice Boffa e Nathan Grillo. Pau de chuva: Enzo Bonaventure, Isabela Garcia e Lavínia de Mello Gonsalves (crianças com idades entre 5 e 8 anos). Fábio Barros tocou rabeca, rói-rói, kalimba, tambor falante e latinha alemã.

8 – Pé de chuchu (Alcântara, MA)
Vozes: Julia Krausz, de 7 anos, foi a solista, acompanhada por Mariana Krausz, Francisco Figueiredo, Valentina Caseiro, Isabela Ferro, Pedro Frugis e Miguel Sintoni Machado (crianças com idades entre 4 e 5 anos). Fábio Barros tocou viola brasileira, ukulele, vaso e sementes.

9 – A cobra não tem pé (Parati, RJ)
Vozes: Valentina Jorente e Luca Traldi (crianças de 7 anos). Fábio Barros tocou sementes e flauta de êmbolo.

10 – A história da serpente (São Paulo, SP)
Vozes: Tom Altman, Érico Karmann e Yan Bazzoni. Tamborim: Tom Altman. Kokiriko: Érico Karmann. Kalimba: Leonardo Moraes. Caxixi: Heloísa Pandolfo. Tambor: Yan Bazzoni (crianças de 6 anos). Fábio Barros tocou violão de sete cordas, ukulele, xequerê, triângulo e flauta de êmbolo.

11 – Lagarta pintada (Campos Sales, CE)
Vozes: Leonardo Moraes e Heloísa Pandolfo. Tambor: Yan Bazzoni. Tamborim: Tom Altman. Gopi Yantra: Leonardo Moraes. Kokiriko: Érico Karmann (crianças de 6 anos). Fábio Barros tocou kalimba e rabeca.

12 – Camaleão (Parintins, MA)
Voz: Mariana Amato. Piano: Heitor de Sousa. Violino: Ana Carolina Juliani. Triângulo: Beatriz Campos. Metalofone contralto: Carolina Karamm. Balafon: Antonio Fix Arantes (crianças
com idades entre 7 e 9 anos). Fábio Barros tocou pífano, xequerê, reco-reco, surdo, ganzá e flauta de êmbolo.

13 – Boi vaqueiro (Itabuna, BA)
Vozes: Antonio Cunha de Faria, Beatriz Campos, Isabela Toniatti, Laura Wagner e Luisa Wagner. Chocalho: Antonio Cunha de Faria. Xilofone contralto e bongô: Artur Halaban. Vibraslap: Bernardo Dohan. Triângulo: Beatriz Campos. Blocos sonoros: Isabela Toniatti. Violão: Laura Wagner. Metalofone contralto: Luiza Wagner. Cuchara: Pedro Halaban (crianças com idades entre 7 e 10 anos). Fábio Barros tocou viola brasileira.

14 – Jacaré boiô (São Luís, MA)
Vozes: Verlúcia Nogueira e as crianças Bento Dias, Gabriel Rameh, Guilherme Rameh, Paulo Cezar Adegas, Rafael Lombardi, Rodrigo Rameh e Theo Decourt. Ganzá: Guilherme Rameh. Caixa clara: Rafael Lombardi. Alfaia: Gabriel Rameh. Xilofone contralto: Bento Dias. Guitarra elétrica: Paulo Cesar Adegas. Violino: Theo Decourt (crianças com idades entre 7 e 9 anos). Verlúcia Nogueira tocou caixa do divino e Rebeca Friedmann tocou violoncelo.

15 – Boneca de pano (Araçuaí, MG)
Vozes e brinquedos sonoros (vaquinhas, chocalhos de bebês, latinhas alemãs, rói-rói): André Lima, Laura Whyte, Maria Carolina de Campos, Maria Carrara e Stella Story (crianças com idades entre 3 e 4 anos de idade). Fábio Barros acompanhou as crianças tocando violão e mbira.

16 – Boneca de lata (Embu das Artes, SP)
Vozes e efeitos com latas: Mairah Rocha e as crianças Francisco Figueiredo, Isabela Ferro, Mariana Krausz, Miguel Machado, Pedro Frugis e Valentina Caseiro (crianças com idades entre 4 e 6 anos).

17 – Bambico, bambuê (Pirenópolis, GO)
Voz solista: Rafael Lombardi. Coro: Gabriel Rameh, Guilherme Rameh e Rodrigo Rameh. Percussão corporal: Bento Dias, Gabriel Rameh, Guilherme Rameh, Paulo Cezar Adegas, Rafael Lombardi, Rodrigo Rameh e Theo Decourt. Ganzá: Guilherme Rameh (crianças com idades entre 7 e 10 anos). Fábio Barros tocou pífano e Rebeca Friedmann tocou violoncelo.

18 – Peneirei fubá (Carbonita, MG)
Voz: Mairah Rocha. Coro: Iara de Oliveira, Isadora Marcon, Mariana de Oliveira, Marcelo Balan Filho, Milena Salerno, Rafael Lebensztajn, Rafaella Balan, Raphaela Beatriz Marcon. Alfaia: Mariana de Oliveira. Agogô: Isadora Marcon. Clavas: Milena Salerno. Ganzá: Rafael Lebensztajn. Pandeiro: Julia Saposznik. Reco-reco: Raphaela Beatriz Marcon (crianças com idades entre 6 e 9 anos). Fábio Barros tocou clarone de bambu.

19 – Casa de farinha (Recife, PE)
Voz: Mairah Rocha. Coro: Mariana de Oliveira, Isadora Marcon, Iara de Oliveira, Júlia Saposznik, Marcelo Balan Filho, Milena Salerno, Rafael Lebensztajn, Rafaella Balan e Raphaela Beatriz Marcon. Caixa clara: Mariana Oliveira (crianças com idades entre 6 e 9 anos). Verlúcia Nogueira cantou e tocou alfaia e Fábio Barros cantou e tocou apito de vento, pau de chuva, sementes, xequerê, rabeca, viola brasileira, baixo elétrico e pífano.

20 – Farinhada (Araçuaí, MG)
Vozes, ganzás, chocalhos e paus de chuva: Beatriz Zular, Clara Farkas, Felipe Bisetto, Felipe Cavalcante, Francisco Silva, Iara de Oliveira, Joana Storto, Julieta Rougé, Madalena Storto, Maria Natali, Maria Clara Mattos, Mariana Halpern e Matheus Terron (crianças com idades entre 4 e 7 anos). Gabriel Levy tocou acordeom e Pedro Silva, aluno de 13 anos, tocou bateria.

 

Responsáveis pelo trabalho com os grupos
Fábio Barros, Mairah Brito Rocha, Marcus Vinícius dos Santos, Teca Alencar de Brito, Verlúcia Nogueira e os estagiários Carolina Castro, Marco Nunes, Marcos de Luca, Mariana Reis, Rebeca Friedmann, Rodrigo Augusto Rojas, Tamya Moreira e Thais Marcolino

Gravação e mixagem das músicas
Fábio Barros

Masterização
Reference Mastering Studio

Coordenação geral
Teca Alencar de Brito

 

 

Add Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Olá! Preencha os campos abaixo para iniciar a conversa no WhatsApp

PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com