"Meio ambiente: e eu com isso?" será lançado dia 29/11, em Brasília

Agenda
Lançamento de “Meio Ambiente: e eu com isso?”, de Nurit Bensusan
Quando:
Dia 29/11, às 19h
Onde: 28ª Feira do Livro de Brasília (Livraria do Chico, no estande 5) – Pátio Brasil Shopping: SCS Q.7, bloco A

Sobre a coleção “E eu com isso?”

Abordar com humor e irreverência questões contemporâneas que atingem a todos é um projeto há muito acalentado pela editora Renata Borges em parceria com a bióloga Nurit Bensusan, autora de outros títulos pela Peirópolis e do blog Nosso Planeta.

Assim surgiu E eu com isso?, uma coleção de divulgação científica que trata de temas aparentemente distantes da vida cotidiana dos cidadãos em geral, mas que podem ser compreendidos e alterados por cada um.

Sob a coordenação de Nurit Bensusan, a coleção abrigará abordagens que rompam as distâncias entre o cotidiano e temas das ciências biológicas, agrárias e da saúde, como também das ciências exatas e suas engenharias, incluindo as tecnologias produzidas em todos os ramos científicos. Os próximos títulos da coleção irão tratar de questões sobre clima, tecnologia e consumo.

Sobre o livro “Meio ambiente: e eu com isso?”

Em Meio ambiente: e eu com isso?, a partir do estilo assertivo e bem-humorado de Nurit Bensusan, o leitor descobrirá que a distância entre objetos e hábitos que compõem sua rotina e temas aparentemente “cabeludos” é bem menor do que ele imaginava.

Nas palavras da editora Renata Borges, “em crônicas ágeis, rápidas e irreverentes, cheias de humor e perspicácia, a bióloga Nurit Bensusan nos faz relembrar a intrigante complexidade da natureza. Resgata a dimensão humana dos problemas ambientais enquanto revela ao leitor conexões aparentemente insólitas entre os diferentes problemas do mundo contemporâneo. A leitura dessas crônicas em mosaico subverte definitivamente o comodismo que parece nos consolar diante de desafios complexos e nos conecta para sempre com a dimensão planetária de nossas vidas.”

Leia abaixo o prefácio do jornalista Helio Hara, editor da revista s/no. ao lado de Bob Wolfenson, e que tem Nurit Bensusan no seu time de colaboradores.

Prefácio de Helio Hara

Nurit Bensusan é uma contadora de histórias. Das boas. Dessas que conseguem, num mesmo texto, informar e construir narrativas a partir de épocas, fatos, personagens e conhecimentos de origens e áreas tão distintos quanto a ciência e a arte. É assim que em “Meio ambiente – E eu com isso? ela conecta o meio ambiente a nossas vidas, sem os pudores e as patrulhas da ecomilitância. Em vez disso, humor para provocar ideias e promover soluções. Nos vinte textos aqui reunidos, referências pop se encontram com a erudição: Flintstones, Garrincha, moda, cidades imaginárias de Ítalo Calvino, Chopin, entre tantas outras, tornam tangíveis questões como mudanças climáticas, desmatamento, consumo (in)consciente, escassez de água, organismos transgênicos, biocombustíveis e sustentabilidade. Aproximam os temas dos leitores, evidenciando sua permanência em todas as idades, em todos os lugares.

Não se trata de um livro didático, mas de crônicas que explicitam um lado invisível (por não ser percebido) em nossos cotidianos: num estilo conciso, rico em informações, a autora – escritora, blogueira e bióloga – deixa claras as interconexões e as consequências de cada decisão que tomamos. Assim, seu impacto torna-se visível, materializa-se. Descobrimos, por exemplo, as chamadas “sopas de plástico” oceânicas, resultantes da desmaterialização gradual de dez milhões de toneladas de lixo plástico anualmente lançadas nos mares pelo homem. Ou, ainda, como saborosas experiências gastronômicas podem revelar sérias questões ambientais: do desaparecimento precoce de espécies como a vaca marinha às aparentemente corretas dietas vegetarianas, que podem incluir fartas porções de soja plantada em antigas áreas de florestas. Nurit fala ainda dos efeitos transfronteiriços dos hábitos de consumo, numa época em que o comércio global é a norma.

A vida deixa de ser uma aventura ingênua para se tornar consequente. Sem sisudez. Leve, mas consciente, às vezes mordaz, sempre rica em evocações. Memórias – campanhas publicitárias, músicas que já cantarolamos, ditados populares, hábitos desaparecidos – e abordagens originais se misturam em Meio ambiente – E eu com isso?, que traz muitas perguntas e convida os leitores a buscarem respostas. Transformar-se, afinal, é essencial num tempo marcado pela velocidade, pelo surgimento e pelo desaparecimento de certezas e, também, de muitas incertezas.

Helio Hara

Add Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Olá! Preencha os campos abaixo para iniciar a conversa no WhatsApp

PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com